Trilha sonora da novela das sete

Letras das músicas da trilha sonora da novela das sete

trilha-sonora-novela-guerra-dos-sexosA trilha traz vozes como as de Elis Regina, Rita Lee, Ana Carolina, Marisa Monte e Daniel Boaventura. Já a música escolhida para a abertura é a mesma da versão original, com uma nova roupagem.

Aquela Velha Canção

MARISA MONTE

 

Quando eu te ligar cantando aquela velha canção
Não diga que estou enganado, estou resolvido
Vou dar férias pro meu coração
Confesso que fiquei magoado, eu fiquei zangado,
Mas agora passou, esqueci
Eu não vou te mandar pro inferno porque eu não quero
E porque fica muito longe daqui
Quando eu te ligar cantando aquela canção
Pra te desnortear, te ferir com carinho
É pra fazer doer no seu ouvido - a nota melhor do nosso amor
Quando eu te ligar cantando aquela canção
Não diga que não sente nada
É pra fazer doer no seu ouvido - a nota melhor do nosso amor
Alô, a lua, alô, amor. Alô, a lua, alô, a lua, amor (2x)

Rapaz

RITA LEE

Rapaz você é o cara
Que me faz sonhar
Cenas calientes, dois delinquentes
Cometendo crimes de amor
Rapaz se você quiser fugimos pro Tibet
Seremos dois budas, dos cafundós do Judas
Iluminando o mundo de amor
Serei sua escrava, sua dominatrix
Sua namorada, sua bitch
Serei sua escrava, sua dominatrix
Sua namorada, sua bitch
Rapaz você é o cara
Que me faz sonhar
Cenas calientes, dois delinquentes
Cometendo crimes de amor
Rapaz se você quiser fugimos pro Tibet
Seremos dois budas, dos cafundós do Judas
Iluminando o mundo de amor
Serei sua escrava, sua dominatrix
Sua namorada, sua bitch
Serei sua escrava, sua dominatrix
Sua namorada, sua bitch, bitch, bitch, bitch, you bitch

Simplesmente Aconteceu

ANA CAROLINA

Simplesmente aconteceu
Não tem mais você e eu
No jardim dos sonhos
No primeiro raio de luar
Simplesmente amanheceu
Tudo volta a ser só eu
Nos espelhos
Nas paredes de qualquer lugar
Não tem segredo
Não tenha medo de querer voltar
A culpa é minha eu tenho vício de me machucar
De me machucar
Lentamente aconteceu
Seu olhar largou do meu
Sem destino
Sem caminho certo pra voltar
Não tem segredo
Não tenha medo de querer voltar
A culpa é minha eu tenho vício de me machucar
De me machucar
Ninguém ama porque quer
O amor nos escolheu você e eu
Não tem segredo
Não tenha medo de querer voltar
A culpa é minha eu tenho vício de me machucar
De me machucar
Simplesmente aconteceu
Quem ganhou e quem perdeu
Não importa agora

Comigo é Assim

ELIS REGINA

A nossa vida tem sido um horror
E a culpada é só você, que não me tem amor
Se eu chego tarde, você que brigar
Bota banca de infeliz, não pára de falar
Já lhe avisei para tomar cuidado
Mas você está seguindo um caminho errado
Deixa, deixa de tolice e me trate com ternura
Com meiguice esse seu neguinho
Pra lhe agradar, tudo já fiz
Só pra lhe ver muito feliz
Já estou arrependido
Até hoje, ainda não fui muito compreendido
Sei que você gosta de mim
Não sei por que me trata assim
Põe seu gênio mau de lado
Do contrário, entre nós está tudo acabado


 

Me Beija Agora

BANDA CALYPSO

Oi oi oi oi ô
Oi oi oi oi ô
Beija, me beija
Me beija, me beija
Me beija agora
Quero você, quero ficar
Eu e você, até a festa acabar
Tem tudo a ver, deixa rolar
O coração, fazer tum tum tá tá tá
Beijo no frio, beijo no calor, beijo de língua, beijo de amor
Beijo roubado tem mais sabor ( De todo jeito rola )
Beijo sequinho, beijo molhado, beijo gostoso,apaixonado
Beijo selinho, beijo colado
Beijo que cola
Oi oi oi oi ô, Oi oi oi oi ô, Beija, me beija
Me beija, me beija, Me beija agora
Oi oi oi oi ô, Oi oi oi oi ô, Beija, me beija
Me beija, me beija, Beijo que cola
Porque você não me beija agora?
Chega pra cá, tá chegando a hora

Esse cara

ÂNGELA MARIA

Ah! Que esse cara tem me consumido
A mim e a tudo que eu quis
Com seus olhinhos infantis
Como os olhos de um bandido
Ah! Que esse cara tem me consumido
A mim e a tudo que eu quis
Com seus olhinhos infantis
Como os olhos de um bandido
Ele está na minha vida porque quer
Eu estou pra o que der e vier
Ele chega ao anoitecer
Quando vem a madrugada ele some
Ele é quem quer
Ele é o homem
Eu sou apenas uma mulher

Anjo

DEBORAH BLANDO

Se você vê estrelas demais
Lembre que um sonho não volta atrás
Chega perto e diz "Anjo"
Se você sente o corpo colar
Solte o seu medo bem devagar
Chega perto e diz "Anjo"
Bem mais perto e diz "Anjo"
Se uma coisa louca
Sai do seu olhar
Fique em silêncio
Deixa o amor entrar
Pra que tanta pressa de chegar
Se eu sei o jeito e o lugar
Se eu sei o jeito e o lugar

Nada Demais

RICKY VALLEN

Agora acabou
Não da mais pra estancar a dor
Me cansei de ouvir mentiras
Era tudo um jogo, uma ilusão
Quantas noites eu te amei em vão
Pra você eu dei minha vida
Por amor
Eu caminhei até aqui
Por amor
Acreditei demais
Nesse amor
Que você negou pra mim
Não quero mais suas migalhas
Não tenho mais (nada)
Nada mais
Só um coração perdido
Nada mais
Só há dor dentro de mim
Nada mais
Você foi o meu espinho
Nada demais
É só o nosso fim
Por medo do amor
To vivendo em minha solidão
Nos seus beijos eu me perdia
Mas você com sua ingratidão
Foi jogando os sonhos pelo chão
Eu amei, você mentia
Por amor
Eu aguentei até o fim
Desse amor
Que me faz chorar
Falso amor
Que você jurou por mim
Na vida tudo tem um preço
Quem vai pagar?
Eu não tenho mais nada
Nada mais
Só um coração perdido
Nada mais
Só há dor dentro de mim
Nada mais
Você foi o meu espinho
Nada demais
É só o nosso fim
E não venha me procurar
Conheço bem seu jogo
To indo embora pra me curar de vez
Me deixe ir
Você com o seu drama vulgar, barato, destruía
E sepultava em mim nosso amor
Acabou
Nada mais
Nada mais
Só um coração perdido
Nada mais
Só há dor dentro de mim
Nada mais
Você foi o meu espinho
Nada demais
É só o nosso fim
Eu não vim pedir nada
Eu não quero nada
Nada mais

Mulheres

MILTON GUEDES

Mulheres são capazes de tudo
Mulheres acreditam em contos de fada
Mulheres têm um sexto sentido
Mulheres têm medo de barata
Mulheres ficam apaixonadas
Paixão dessas de enlouquecer
Mulheres ficam entediadas
E vão embora sem dizer por quê
Mulheres guiam mal pra cacete
Mulheres choram no cinema
Não podem ver um bicho doente
Da gente é que elas nunca têm pena
Mulheres provocam brigas
Mulheres não deixam por menos
Mulheres contam pras amigas
Se o cara tem o pau pequeno
Mulheres, mulheres, mulheres
Mulheres, mulheres, mulheres
Mulheres pintam a cara
Mulheres raspam os pêlos
Mulheres assistem novelas
E falam pelos cotovelos
Mulheres, mães e namoradas
Babás, titias,vovós
No fundo somos apenas
O que elas fazem de nós
Mulheres, mulheres, mulheres
Mulheres, mulheres, mulheres
Mulheres, mulheres, mulheres
Mulheres, mulheres, mulheres

Ela

JORGE GUILHERME

Andava pela rua sozinho, pensando em como voltar
Voltar pra você e de vez ficar, ao teu lado morar
O amor é um diamante bruto, precisa lapidar
Você é o tesouro que não vou guardar
Vou explorar
Você é pra casar
Quando criança já ouvia histórias de que você existia
Garoto tem uma menina, que vai ser sua um dia
E hoje mulher
Nasceu pra ser minha mulher
Eu vou voltar, vou te buscar
Eu vou atrás de você
Feito louco... eu te amo nada vai me fazer te perder
Só quem ama sabe, que juntos é bem melhor
Feche os teus olhos ao me sentir
Tire toda roupa e durma assim
Desperte com os meus olhos sobre ti
E entregue o teu corpo pra mim
Quando criança já ouvia histórias de que você existia
Garoto tem uma menina, que vai ser sua um dia
E hoje mulher
Nasceu pra ser minha mulher
Eu vou voltar, vou te buscar
Eu vou atrás de você
Feito louco... eu te amo nada vai me fazer te perder
Só quem ama sabe, que juntos é bem melhor
Eu vou voltar, vou te buscar
Eu vou atrás de você
Feito louco... eu te amo nada vai me fazer te perder
Eu vou voltar, vou te buscar.
Eu vou atrás de você.
Feito louco... eu te amo nada vai me fazer te perder
Só quem ama sabe, que juntos é bem melhor
Só quem ama sabe, que juntos é bem melhor

Te Amo

WANDERLÉA

Quisera ter
a coragem de dizer
como é grande o meu amor
mas não sei o que acontece
minha voz desaparece
quando a seu lado estou
eu procuro ir disfarçando
é sorrindo ou cantando
mas por dentro eu estou
chorando
nem mesmo o céu
que a todos faz sonhar
não consegue me inspirar
eu só sei que estou sofrendo
pouco a pouco vou morrendo só por não saber falar
e sozinho eu te chamo
bem baixinho eu reclamo
que vontade de dizer
te amo!

Chuva de Novembro

PROJOTA

Sozin posso te ver melhor,
Quando se vai o sol procuro o fio do seu cabelo no lençol,
Baixei aquele filme que cê disse que era bom,
E vi que nada é tão bom quando cê não tá aqui.
Um dia sem você é triste, uma semana é maldade, um mês não existe
Dou meus pulos, atravesso a cidade
Junto dinheiro pra financiar a viagem
Uma bolacha, um salgadinho, dois refri e a passagem
Já era, já fui
Me espera amor, vou atrasar mais dez minutos,
Parar, pra te comprar uma flor,
E to pronto na melhor roupa que eu tenho
Uma rosa na mão esquerda,
Na outra mão um cartão com desenho.
Correndo pra rodoviaria o buso sai as 9
Desculpa o cartão molhado, é quem em novembro sempre chove a tarde.
E hoje a chuva ta bolada, ja me sentei, fiz minha oração
Se deus quiser nem pega nada.
To indo, sentado vendo as montanhas,
Lembrando que quanto mais você me perde, mais vezes você me ganha
E aquela briga ontem foi foda
Eu não queria te dizer, que eu não queria ter você,
Mas eu queria que você soubesse que eu me importo
E que eu sinto que essa chuva é o reflexo do estado do meu corpo.
E foi pensando nisso que me joguei pra cá
Pra ver se quando eu te encontrar eu faço essa chuva parar
Será que isso é possivel?
Eu sonhador demais, na intranha dor demais e essa estranha dor é mais do que saudade
É como uma necessidade, de poder ter a certeza de que não era verdade
O que você disse por telefene, que tava na hora de eu te provar que podia ser seu homem
Que o menino que nem pode sustentar um lar
Nunca seria bom o suficiente pra tu casar.
Foi pensando nisso que eu entrei nesse busão,
Mas, talvez eu seja só um menino com uma rosa na mão
E eu te ligo no celular te avisando que eu to indo e te pedindo pra ir lá pra me esperar
Mas você que nunca que disse que me ama mais uma vez desliga sem dizer
Se arruma e vai pra cama, tudo bem, dorme bem amor, te amo,
Quando acordar passa perfume que o seu homem tá chegando.
A cada segundo a chuva aumenta
Nessa poltrona a cada minuto que eu durmo eu acordo quarenta
Janela embaçada, tampando minha visão
Eu fecho os olhos e praticamente sinto sua respiração,
É como o silencio do meu quarto sem você
Culpa dessa distancia que me impede de te ver
Me impede de provar que eu te mereço
De mostrar que o dinheiro tá pouco mas que a alegria não tem preço
E eu pensando em você nesse momento, aproveito o tempo pra treinar o pedido de casamento
Depois da briga acordei cedo, peguei toda a economia e comprei a aliança em segredo
Juntei moeda por moeda pra poder tá aqui,
Pra mostrar que um menino pode te fazer sorrir, te sentir mais uma vez,
Sentir por uma vez, e achar que eu sou teu sonho não é uma insensatez,
Mas perai, eu ouço um barulho, que que ta pegando?
A aliança caiu do meu bolso, tudo balançando, quem ta gritando?
Porque ta girando? alguém sabe?
Tento chamar seu nome,
Mas minha boca nem abre, barulho de chuva, pneu, escuridão
Lembrar seu rosto se tornou a ultima opção, agarro forte a rosa na lama,
Menino ou homem você me deixou partir sem dizer que me ama
Eu nao pensei que fosse pra tão longe essa viagem
Toca o celular... é você me mandando mensagem
E eu preso nas ferragens,
Sem me mecher sei que você me escreveu... mas fecho os olhos sem saber o que.


 

Guerra Dos S e x o s

THE ORIGINALS (BRASIL)

Cheguei pra conquistar o mundo
Você seduz e vai bem fundo
A vida é assim e nunca é demais
O que mamãe falou não vale mais nada
Não vale nada
Você é feita de feitiço
Joguei e vou pagar por isso
A vida é assim e nunca é demais
O que mamãe falou não vale mais nada
Não vale nada
Pega brinca, leva que é de graça
Fica linda que o amor não passa
Vem com tudo em cima que eu vou com você

You have read this article Novelas with the title Trilha sonora da novela das sete. You can bookmark this page URL http://ramblingruralrector.blogspot.com/2012/12/trilha-sonora-da-novela-das-sete.html. Thanks!